RSS

"Eles não sabem nem sonham que o sonho comanda a vida e que sempre que o homem sonha o mundo pula e avança"

Contrariedades da vida

Apesar de não ter andado com cabeça para escrever no meu blog, faço uma pequena pausa para visitar os blogs que gosto de ler e com tristeza deparei com outro dos meus favoritos a ser privatizado...

Compreendo muito bem as razões pelo o que fizeram... Adorei o facto de poder continuar a lê-los apesar de serem privados... :)

Num deles, li sobre pessoas com força na vida e que lutam contra obstáculos que por vezes nos parecem imensuráveis...

Eu acredito que todos nós temos a força necessária para ultrapassar os nossos problemas, os díficeis obstáculos que a vida adora colocar à nossa frente...

Hoje quero falar-vos de uma pessoa que foi a minha inspiração durante a fase negra de que vos já falei... Eu pensei, se ela consigou passar por tudo isto e está como está então, eu também consigo.

Ela tem uma história de coragem muito bonita, e já vão perceber porquê... Espero que a história dela vos inspire, e vos dê mais força, tal como me deu a mim...

Eu quero dar-vos a conhecer a minha querida prima S. Actualmente ela tem 33 anos, mas os problemas dela começaram sensívelmente à 7 anos...

A minha prima casou-se muito nova, tinha 21 anos, e foi um casamento muito bonito e que se via que eles se amavam....

Passado uns poucos anos, ela engravidou... gémeas.... :D

Quem ficou contente com a noticia foi a família, ela e o marido ficaram um pouquinho assustados... Ora, tal como a maioria dos gémeos, elas nasceram prematuras, com 8 meses de gestação, nada de grave...

Tudo estava a correr bem com as meninas, até que um dia elas desenvolveram uma alergia no queixo devido a um vestido que tinha renda da gola... A alergia foi tão grave que as bébes tiveram de ser lancetadas na zona da alergia...

Esta situação para pais recentes, não é muito agradável... As bébes nem um ano tinham, quando isto ocorreu...

As meninas recuperaram e ficaram bem... Pouco depois veio a "bomba"... A minha prima descobriu um caroço na mama e confirmou-se o pior diagnóstico.... Cancro da mama...

Devido ao tipo de cancro foi necessário proceder a uma mastectomia e obviamente, quimioterapia...

Tudo isto a acontecer num curto espaço de tempo, as bébes ficaram doentes, depois a minha prima... e durante um grande período teve de se submeter aos tratamentos de quimio... que são sempre desgastantes...

Finalmente chegou uma luz no túnel, não havia sinal de cancro e tudo parecia que ia ficar bem...

Meses ou um ano depois, já não me consigo lembrar, mais um caroço na outra mama... Novamente, o diagnóstico foi o mesmo, cancro da mama...

Mais uma mastectomia... Não consigo pensar no que ia na cabeça da minha prima... nem como ela se sentia....

Mais sessões de quimioterapia, e desta vez, foi muito mais díficil com internamentos constantes no hospital ao ponto de a minha mãe me dizer que provavelmente a minha prima não ia sobreviver... A minha mãe foi visitá-la ao hospital e ela estava com uma retenção de líquidos tão grande mas tão grande que a cara dela parecia uma bolacha, as pernas estavam o quadruplo do que eram.... Esteve muito mal...

Mas mais uma vez, ela conseguiu superar e recuperou lentamente... o que não recuperou foi o casamento dela... Ela e o marido separaram-se (e foi ela que teve que tomar a iniciativa, porque os homens são cobardes e não tomam qualquer atitude a não ser que sejam confrontados)...

As meninas até levaram as coisas bem... porque disseram "Se a Barbie e o Ken divorciaram-se também não há problema a mamã e o papá fazerem o mesmo"... eles mantiveram sempre uma relação cordial, pois estava-se à espera que ela falecesses devido ao desgaste físico que a minha prima sofreu...

Mas ela foi chamada com urgência ao hospital porque tinham um coração para ela... Sim, ela teve de fazer um transplante de coração...

Apartir dái o ex-marido mudou de atitude, começou a ameaçar que lhe ia tirar as meninas e dizia coisas que a enervavam que poderia pôr em risco a sua vida... Não sei o que ele pretendia com isso... nem quero saber...

Mas o mais importante, é que ela está viva e feliz... Quem a conhece não consegue deixar de olhar para ela, e de estar com ela... Ela tem um brilho tão intenso que as pessoas se sentem muito atraídas por ela...

Tem muitos homens atrás dela, mas ela dá para trás... neste momento quer "curtir" a vida... "quando aparecer a pessoa certa"... ela não se fecha, sai com os amigos, com as filhas... vive a vida...

Já foi fazer a reconstrução do peito... sei que isso ainda vai ajudar mais a sentir-se mais completa... Porque acho que nós sem as "amigas" não nos sentiriamos bem...

Não sei se vos ajudou, mas gosto de partilhar os obstáculos dela, as dificuldades e de mostrar que ela conseguiu ultrapassar pois para mim ela é uma enorme fonte de inspiração

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

2 comentários:

sweet said...

Obrigada por partilhares esta história de coragem e de esperança. Fico feliz pela tua prima estar bem hoje!
Como alguém disse "Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo."
Bjs

Šaяa said...

Bolas... como isso tudo pode acontecer a uma pessoa só!!
São essas historias que nos fazem dar o valor à vida e perceber como são pequenas e mesquinhas muitas das nossas preocupações do dia a dia.
Ainda bem que depois disso tudo ela é hoje uma pessoa feliz. E penso que sim, partilhar essa historia dará muita força a muitas pessoas.
Beijinho!